Em vez de usar beneficiar os brasileiros, governo protege interesses de especuladores

Em vez de usar beneficiar os brasileiros, governo protege interesses de especuladores

🤔 Por ser estatal, a Petrobras deveria ser usada para beneficiar os brasileiros, com gás de cozinha e combustíveis a preços reduzidos (como era antes de 2016).

Mas os governos Temer e Bolsonaro determinaram que ela acompanhe os preços do mercado internacional de petróleo (PPI, ou Preço de Paridade de Importação), e não os verdadeiros custos nacionais de refino.

Leia Mais “Em vez de usar beneficiar os brasileiros, governo protege interesses de especuladores”

Se a Petrobras fosse privatizada, o comprador não baixaria os preços

Se a Petrobras fosse privatizada, o comprador não baixaria os preços

O governo de Jair Bolsonaro está retirando da Petrobras o papel de motor da economia brasileira. Seu foco é privilegiar o mercado internacional e os acionistas (41,65% são investidores estrangeiros).

💥 Só em 2021, os acionistas da empresa já receberam R$ 41,6 bilhões em dividendos (distribuição de lucros). É isso mesmo: o governo está deixando de usar os valores para a Petrobras desenvolver o Brasil e passou a distribuir a maior parte dos lucros para acionistas. Poderia usar os recursos para subsidiar os combustíveis, como acontecia antes do governo Temer. Mas não quer. 😥

Leia Mais “Se a Petrobras fosse privatizada, o comprador não baixaria os preços”

Política de Bolsonaro para Petrobras também pode gerar desabastecimento

Política de Bolsonaro para Petrobras também pode gerar desabastecimento

Os brasileiros e as brasileiras, principalmente os mais pobres, têm sentido em seu cotidiano os reflexos da política de preços dos combustíveis atrelada ao mercado internacional, imposta à Petrobras pelos presidentes Michel Temer e Bolsonaro.

O litro da gasolina já ultrapassou R$ 7 em vários estados, e tudo está mais caro.

O problema é que o governo Bolsonaro já demonstrou inúmeras vezes que tudo que está ruim sempre pode piorar.

Leia Mais “Política de Bolsonaro para Petrobras também pode gerar desabastecimento”

Iniciando mais um ano, nossa Campanha Petrobras Fica em MG conta com seu apoio!

Iniciando mais um ano, nossa Campanha Petrobras Fica em MG conta com seu apoio!

Em setembro de 2020, lançamos a Campanha Petrobras Fica em MG proporcionando conteúdo de alta qualidade em defesa da mais importante empresa do Brasil, abrindo um vasto campo de diálogo com o povo mineiro.

Como resultado, além de reforçar a luta contra o desmonte da estatal, nossa campanha conquistou um enorme engajamento virtual, o que prova que a imensa maioria da população também não pretende abrir mão das riquezas geradas pela Petrobras.

Leia Mais “Iniciando mais um ano, nossa Campanha Petrobras Fica em MG conta com seu apoio!”

É mentira que a Petrobras precisa vender seus ativos para pagar dívidas

É mentira que a Petrobras precisa vender seus ativos para pagar dívidas

❎ A Petrobras NÃO precisa vender seus ativos (empresas, refinarias, campos de petróleo, indústrias, usinas etc.) para pagar dívidas.

👉 Em setembro de 2020, sua dívida líquida estava em R$ 373,5 bilhões.  Mas, ela pode ser quitada somente com recursos vindo das próprias atividades da estatal, a médio e longo prazos – para você ter uma ideia, em apenas 3 meses a dívida caiu 4,2% (era R$ 390 bilhões, em junho de 2020).

Leia Mais “É mentira que a Petrobras precisa vender seus ativos para pagar dívidas”

Privatizações destroem a qualidade de vida do povo

Com a Petrobras, as tartarugas marinhas podem ter uma nova chance!

😡 Privatizações só interessam aos poucos setores que estarão envolvidos durante o processo. Para o restante da população, o que sobra é a redução da qualidade de vida.

O Amazonas, por exemplo, se tornou o 6º estado com a pior coleta de esgoto do Brasil depois que o seu serviço de saneamento básico foi privatizado.

Leia Mais “Com a Petrobras, as tartarugas marinhas podem ter uma nova chance!”

Liquidação: governo vende mais uma refinaria da Petrobras abaixo do valor de mercado

Liquidação: governo vende mais uma refinaria da Petrobras abaixo do valor de mercado

Em meio ao processo de privatização gradual da Petrobras promovido pelo governo de Jair Bolsonaro, a estatal anunciou a venda da Refinaria Isaac Sabbá (Reman), localizada em Manaus. O preço pago pela compradora, a empresa Atem Distribuidora de Petróleo, foi cerca de 30% inferior ao valor de mercado da refinaria.

Leia Mais “Liquidação: governo vende mais uma refinaria da Petrobras abaixo do valor de mercado”

🤔 Você trabalha no Brasil, recebe o salário na moeda brasileira (Real), compra o combustível produzido e refinado no Brasil (feito do petróleo brasileiro). Mas, o valor que você paga é baseado na moeda norte-americana (Dólar). Para piorar, o Dólar é muito mais caro que o Real: cada US$ 1 custa R$ 5,07 (em 5 de julho). 😠 Isso acontece por decisão do Governo Federal, que faz com que a Petrobras tenha que manter os preços de venda dos combustíveis nas refinarias no mesmo patamar dos preços do mercado internacional de petróleo, mesmo que ele não tenha nada a ver com a realidade brasileira. Essa manobra se chama Preço de Paridade Internacional (PPI), e serve para dar mais lucro ao mercado internacional, às empresas importadoras (que não precisam baixar seus preços) e aos acionistas, enquanto empobrece os brasileiros. 😲 Sem o PPI, o litro da gasolina poderia ser vendido a R$ 3,60, por exemplo – sobretudo em Minas Gerais, que tem uma refinaria da Petrobras, a REGAP. É por isso que precisamos defender a Petrobras estatal e no controle do preço dos combustíveis. Junte-se a nós nessa causa: #PetrobrasFicaEmMinas #Petrobras #PetrobrasFica #OPetróleoÉNosso #DefendaAPetrobras

Seu salário é em Real, mas você paga o combustível baseado no Dólar

🤔 Você trabalha no Brasil, recebe o salário na moeda brasileira (Real), compra o combustível produzido e refinado no Brasil (feito do petróleo brasileiro). Mas, o valor que você paga é baseado na moeda norte-americana (Dólar).

Para piorar, o Dólar é muito mais caro que o Real: cada US$ 1 custa R$ 5,07 (em 5 de julho).

Leia Mais “Seu salário é em Real, mas você paga o combustível baseado no Dólar”